quarta-feira, 5 de abril de 2017

Foto Memória de Macapá: Conservatório Amapaense de Música

O prédio da foto, foi erguido para ser a residência do Secretário Geral do T.F. do Amapá. Quando ficou pronto serviu de sede para o Conservatório Amapaense de Música, mas por pouco tempo.  O Conservatório foi inaugurado em 25 de janeiro de 1952, pelo então governador Janary Gentil Nunes. Com a morte da pianista e professora Walkíria Lima, uma das primeiras professoras e diretora do Conservatório, seu nome mudou para “Escola de Música Walkíria Lima”, hoje Centro Profissional.
O educandário foi transferido, depois, para uma das alas da Escola Normal de Macapá. A edificação construída na Rua General Rondon com a Av. Procópio Rola, no Centro da cidade, passou por ampliação para acomodar o antigo SAG - Serviço de Administração Geral, órgão embrião das Secretarias de Administração e de Finanças. Com a construção do centro cívico, iniciado no governo Henning e concluído na gestão Barcelos, a Secretaria de Administração foi ocupar um dos prédios do centro, onde ainda se encontra. A Secretaria de Finanças foi transferida para um imóvel construído na área que era a praça do Hospital Geral, que hoje serve de sede para a Secretaria de Saúde. Na gestão do Governador Gilton Garcia em 1990, o velho prédio foi demolido, surgindo no local o Tribunal de Justiça do Amapá. (Fonte: Informações de Nilson Montoril)
Em 1952, a Escola de Música Walkíria Lima passou a funcionar no prédio da Rua Eliezer Levy com a Avenida Iracema Carvão Nunes, no Centro de Macapá, até o mesmo ser condenado pela Defesa Civil e demolido em 2010.
Em 2007, através de um decreto governamental, a escola foi transformada em Centro de Educação Profissional de Música Walkíria Lima.
Após a demolição, as atividades do Centro de Música passaram a funcionar em um prédio alugado, na Avenida Feliciano Coelho, entre as ruas Hildemar Maia e Santos Dumont, nº 1959, no bairro Santa Rita, onde os alunos matriculados, com idade entre 8 e 79 anos, integram os cursos de piano, flauta doce, violino, violoncelo, trompete, violão (popular e erudito), bateria, clarinete, canto lírico, contrabaixo elétrico, saxofone e regência de bandas.
(Imagem; Reprodução - Gov. dol Amapá)
O Governo do Amapá está erguendo um novo prédio no local do anterior, no centro de Macapá, com previsão para concluí-lo até o segundo semestre de 2017.
“O prédio terá uma área construída de aproximadamente 2.700m², com investimento de R$ 6,5 milhões. A obra iniciada em janeiro, terá cinco pavimentos.
O térreo será ocupado pelo estacionamento com 23 vagas, recepção e uma área externa de convivência com praça de alimentação. Já o primeiro pavimento vai reunir a secretaria escolar, diretoria, coordenação, sala dos professores, laboratório de informática com capacidade para 30 alunos, além da sala de instrumentos e biblioteca.
No segundo pavimento estará o núcleo de piano que possuirá dez salas, o núcleo de cordas que possui 17 salas subdivididas em 4 salas, um núcleo de canto com 2 salas de canto lírico e 1 de música de câmara.
O terceiro pavimento terá o núcleo de sopro que possui 18 salas. O quarto e último andar será para as atividades complementares e um auditório com capacidade de 322 pessoas. Todas as salas de aula terão isolamento acústico. O prédio contempla ainda um conjunto de banheiros adaptados para portadores de necessidades especiais. (Fonte: Jornal Diário do Amapá)

Nenhum comentário:

Postar um comentário