domingo, 14 de outubro de 2012

Morre em Belém, Dr. Cícero Borges Bordalo, o decano dos advogados do Amapá.

Com 82 anos de idade e 57 de profissão.
Faleceu na madrugada de domingo,14 de outubro de 2012, em Belém do Pará, o Dr. Cícero Borges Bordalo.
O pioneiro da advocacia amapaense, era paraense nascido em 1930,  que chegou cedo ao Amapá e nunca mais foi embora de Macapá. Tinha 82 anos de idade e 57 de profissão.
Foi casado, em primeiras núpcias, com a professora Creusa Souza Bordalo, e em segundas núpcias com a professora e Dra. Nilza Bordalo. Estava doente há 19 dias, internado na UTI do Hospital Adventista de Belém sem conseguir melhorar seu estado de saúde, até que veio a óbito na madrugada de 14 de outubro, vítima de ataque cardíaco. 
Cícero Borges Bordalo era um dos advogados mais antigos em atividade no Amapá e participou ativamente do movimento que instalou a secção da Ordem dos Advogados do Brasil em Macapá, ainda na época do Território Federal do Amapá e foi também conselheiro federal. Seu escritório de advogacia, um dos mais requisitados do Estado, funcionou por muitos anos no alto do antigo Elite Bar, depois Gato Zul, no centro da cidade. O corpo de Cícero Bordalo chegou  à Macapá, no começo da noite de domingo e foi velado na sede da OAB/AP, antigo forum da cidade, onde recebeu as justas homenagens dos seus colegas de profissão e de toda a sociedade amapaense. O sepultamento aconteceu na segunda-feira (15/10) no Cemitério de Nossa Senhora da Conceição (Centro) por volta das quatro e meia da tarde.
(Última atualização às 22 h do dia 16.10.2012)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Foto Memória de Macapá: Pioneiros de Macapá

Trazemos para o Porta-Retrato foto compartilhada pelo amigo Luiz Pessoa, com imagens de um evento social e esportivo, no início dos anos...