terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Memória do Esporte: Visita de Mané Garrincha a Macapá

Quando Manoel dos Santos, o Garrincha, resolveu pendurar as chuteiras, saiu pelo país se despedindo da torcida brasileira participando de jogos amistosos. 
A Associação dos Cronistas e Locutores Esportivos do Território do Amapá -ACLETA, levou o bi-campeão mundial a Macapá para um jogo amistoso entre o Ypiranga Clube e a Sociedade Esportiva e Recreativa São José. A partida foi realizada no Glicério Marques, em 1972, e o craque das pernas tortas jogou o 1º tempo pelo negro-anil do Bairro do Trem e o 2º tempo pelo tricolor do Laguinho.(João Silva)


Clique na foto para ampliá-la
(Foto extraída do blog Camisa 10, do amigo Humberto Moreira)
Na foto (a partir da esquerda) estão: Walter Banhos (falecido), repórter Ronaldo Borges, Orlando Torres, Jarbas Gato, repórter Luís Melo, Garrincha, Almir Menezes e Estácio Vidal (falecido).
Clique na foto para ampliá-la(Foto extraída do blog do jornalista João Silva)
O flagrante mostra o instante em que Garrincha era homenageado pelos vereadores e esportistas Walter Banhos de Araújo, este já falecido, e Jarbas Ferreira Gato, respectivamente presidente e 1º Secretário da Câmara Municipal de Macapá, observados pelos repórteres Ronaldo Borges (encoberto), Ubiratan Silva (direita) (Rádio Educadora) e Almir Menezes (esquerda) (Rádio Difusora de Macapá).
Contexto Histórico - "Manuel Francisco dos Santos, o Mané Garrincha ou simplesmente Garrincha, nasceu em Magé-RJ, 18 de outubro de 1933. Foi um futebolista brasileiro que se notabilizou por seus dribles desconcertantes apesar do fato de ter suas pernas tortas. É considerado um dos maiores jogadores da história do futebol em todos os tempos. No auge de sua carreira, passou a assinar Manuel dos Santos, em homenagem a um tio homônimo, que muito o ajudou. Garrincha também é amplamente considerado como o maior driblador da história do futebol.
Garrincha, "O Anjo de Pernas Tortas", foi um dos heróis da conquista da Copa do Mundo de 1958 e, principalmente, da Copa do Mundo de 1962 quando, após a contusão de Pelé, se tornou o principal jogador do time brasileiro.
Mané Garrincha faleceu aos 49 anos em 20 de janeiro de 1983, vítima de cirrose hepática." (Wikipédia)
(Repaginado em janeiro de 2012)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Foto Memória de Macapá: Pioneiros de Macapá

Trazemos para o Porta-Retrato foto compartilhada pelo amigo Luiz Pessoa, com imagens de um evento social e esportivo, no início dos anos...